segunda-feira, 22 de abril de 2013

Câmeras IP e segurança


A principal vantagem das câmeras IP é a capacidade de visualizar imagens em qualquer lugar. Mas essa flexibilidade proporcionada através de um meio tão vasto e amplo como a Internet requer medidas de segurança. Há algumas questões a considerar quando se compra e instala um sistema de vigilância IP.
O controle do que, como e quando exibir imagens capturadas pela câmera IP deve estar sempre de acordo com a vontade da pessoa que adquire o equipamento.
Se as câmeras IP são projetadas para fornecer proteção para seus usuários, as questões críticas de segurança devem estar sempre nas mãos de quem controla o acesso.
As câmeras IP da AirLive tem uma função (Viewer) que exibe imagens de vídeo captadas pelo equipamento por qualquer pessoa, em qualquer lugar do mundo. Ao criar usuários, esta função “publica” uma câmera IP e assim qualquer pode vê-la sem acessar a configuração.
Mas se você não quer que todos tenham acesso a imagens de vídeo geradas pela câmera IP deve configurar o perfil de usuário antes, para que seja necessário o nome do usuário com a senha correspondente para entrar.
Também durante a configuração da câmera sempre é necessário colocar diferentes níveis de privilégios para cada usuário que irá monitorar a área através da câmera IP. Este passo é essencial para prestar um bom serviço para os donos da propriedade.
O último passo para completar a configuração das câmeras é a publicação na Internet. Como sabemos, isso levanta algumas dúvidas, pois muitos usuários pensam que desta forma estão expondo sua vigilância nos olhos de estranhos. No entanto, isto pode ser gerenciado de forma segura e eficaz com uma senha forte que consiste em uma longa seqüência de dígitos combinados quase impossíveis de  serem descobertos.
Este pequeno e importante passo é parte da rotina em instalações de câmeras IP mas deve ser levado em conta quando se instala um sistema de videovigilância. Muitas vezes acontece que após instalar as câmeras, milhares de usuários desavisados selecionam valores padrão e começam a transmitir imagens ao vivo na Internet acessível a qualquer usuário ou hacker experiente.
Segurança física ao ar livre é outro ponto importante. As câmeras de vigilância devem ser instaladas em ambientes ao ar livre com uma mangueira de proteção para embrulhar os cabos, tanto da tensão como também de proteção da conexão contra as mudanças climáticas cada vez mais adversas.




Publicações relacionadas:


Menos é mais com as novas câmeras IP PoE “Olho de Peixe”

Novas características das câmeras AirLive



Nenhum comentário:

Postar um comentário